Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog de AlGo

De mim, da vida... de tudo.

Humanos: do melhor e do pior

Vi de tudo, ontem.

 

Na minha rua uma cadela, prostrada, a tremer, sem reação alguma. Ninguém sabe como ali apareceu.

 

Alguém da rua lhe pôs uma manta, onde ela se aconchegou, disponibilizaram água e ração, mas ela não tinha força. 

Liguei para o canil municipal, mas já passava das 17 horas, não tinham quem a viesse buscar e não adiantava leva-la lá, não teriam vaga.

 

Liguei a todas as associações que conhecia e que encontrei na internet. Eu e uma senhora que nem conheço mas fez o que pode. Umas estavam cheias, outras nem atenderam.

Liguei à polícia. Se abandonar um animal é um crime, é a polícia que devemos chamar. Foram incensáveis.

Dois agentes, preocupados com a bichinha, a tentar falar com toda a gente, revoltados com canil... um deles, por contactos pessoais chegou à fala com uma associação que é vocacionada para ajudar gatos, mas que não falha quando é precisa. Gatos Urbanos.

Foi levada para o Hospital Veterinário.

 

Provavelmente foi uma cadela de caça que chegou a velha e deixou de ser útil.

 

Tem ferimentos, dermatites, carraças, fome e sede. Estava exausta e em choque.

Triste, imensamente triste. 

Tenho para mim que estava a desistir de viver.

 

Animou um pouco. Ficou mais alerta. Mostrou ser meiga, gostar de mimos (quem não gosta) e ficou lá, pelo menos uma noite, mas se for preciso, até ter uma família de acolhimento para se por boa e depois tentar uma família para sempre. Ela merece. Eu não posso ficar com ela, com muita pena minha.

 

O dia terminou com o melhor dos humanos. Muitos amigos a tentar ajudar. A partilhar, a dar uma palavra amiga, a contribuir monetariamente. Porque há despesas e para além disso, há uma associação que precisa e merece ajuda.

 

Chorei muito. Primeiro de tristeza, depois por não poder ficar com ela e por fim porque a solidariedade que recebi me comoveu muito.

Tenho esperança que tudo acabe bem e ela arranje a família que merece.

 

Esta é a "Fátima" (nome provisório, porque foi encontrada no Bairro Nossa Sra de Fátima).

Alguém por aí quer um novo membro na família?

30724146_2083676574994563_8447923106535759717_n.jp

Cada vez que olho para o Tobias, me apetece chorar. Eles são tão bons, tão especiais... porquê que as pessoas são tão más?

Aqui como a encontrei e durante o transporte...

Quando tiver novidades, conto-vos.

 

 

10 comentários

Comentar post

De mim, da vida... de tudo!

foto do autor

AlGo destacado

  •  
  • Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.