Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog de AlGo

Por Alexandra Gomes

Blog de AlGo

Por Alexandra Gomes

Desafio de Escrita dos Pássaros #8

IMG_20191030_213911.jpg

Olá euzinha.

Espero que esta carta te encontre de boa saúde.

Em breve vais para a escola, mas não mates a cabeça. Decorar coisas não é para ti e perceberás que aprendes muito mais quando pesquisas e questionas, mas não é isso que dá notas nos testes, por isso, não te apoquentes. Estuda o suficiente para te sentires feliz.

Não te quero assustar muito, mas o mundo é dos espertos. A ambição é uma coisa que não te assiste e acho que nunca te vai assistir. Vais fazer opções, cedências e adaptações. O trabalho muitas vezes é pouco aliciante e há colegas que preferias nem conhecer. Não gostas de fazer coisas por obrigação e nesta altura continuas a não gostar, por isso, não serás feliz se o trabalho te ocupar mais do que o estritamente necessário. O dinheiro não é tudo e não vale a pena sacrificar a vida por ele.

Sei que te vai custar a acreditar mas tu e a Sandra não vão ser amigas para o resto da vida, mas a Joana vai estar cá sempre. Vais ter muito orgulho nela. Nem imaginas o que vai ser capaz de fazer, incluindo asneiras, mas não a vais julgar, porque percebes os motivos e até vais fazer asneiras parecidas.
Vais ter amigos novos, alguns só de ocasião outros para a vida.

Terás muitas surpresas, algumas tristezas, mágoas profundas... vais chegar aos 40 sem realizar alguns sonhos, mas o balanço vai ser positivo. Aprende, quando não se pode cumprir os sonhos, temos que sonhar coisas novas.

Vais estranhar estes conselhos mas não fiques zangada com o avô por teres que o ajudar a embalar os pensos rápidos. Vais ter saudades de o fazer.
Não é por mal que a avó não te quer na rua quando escurece e vais dar valor a tudo o que ela te ensina quando estás em casa.
Há agora uma canção que diz "sorri e abraça os teus pais enquanto estão aqui", vais aprender depressa o valor disso, e acho que é por isso que vais continuar a chatear a cabeça à tua mãe "até ao infinito".

Bem, já me caiu um cisco nos olhos, vou terminar por aqui. Nem vale a pena explicar porque raio te estou a escrever isto, não vais acreditar.

Brinca, brinca muito, toda a vida.
Beijinhos.

P.S.: Vais ter um cão. Espera, não fujas, nessa altura já não terás medo.

 

Tema: Escreve uma carta para a criança que foste

26 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

AlGo destacado

  •  
  • Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.