Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog de AlGo

Por Alexandra Gomes

Blog de AlGo

Por Alexandra Gomes

Comentários, comentadores e eu

"Qual é a melhor forma de moderar os comentários num blog?" O SAPO desafiou ilustres blogadeiras (que eu sigo e prezo) a falarem da forma como moderam, ou não, os seus comentários. Eu resolvi falar sobre o meu caso, pois que também sou ilustre. 

      Pelo menos sou a melhor autora deste espaço que vos acolhe. Sou a única, é facto...

                  ...e contra factos não há argumentos.

 

Pois que não modero. 

Uso a censura como a minha principal aliada neste caso e se assim me apetecer, apago o comentário. 

     Simples e eficaz.

 

Não estou sempre ligada ao blog, há até dias em que não "lhe entro nas portas", abençoando quem inventou a hipótese de agendar posts, por isso, se tivesse moderação, muitos comentários demorariam imenso a ser publicados, o que não me parece bem. Como os comentários "caem" no e-mail, é por lá que os leio quase em "direto", mas raramente lhes respondo na hora ou lhes dou a atenção devida. 

Gosto depois, com tempo, de ler e refletir sobre o que fazer àquele comentário e as decisões são fáceis:

 

- Comentários ao post devido ou ao blog: Gosto de responder a todos os comentários, sem exceção.

Nem que seja só um sorriso, uma flor, um "fixe"... às vezes não é preciso mais, mas ninguém fica sem resposta, a menos que algum me passe mesmo sem querer. 

Posso demorar uma semana ou mais, mas respondo. 

Raramente respondo de imediato, só se o comentário tiver uma pergunta ou for uma opinião que precise de uma resposta "urgente".

 

- Publicidade, a coisas ou outros blogs, sem sequer se darem ao trabalho de ler o post em questão: apago.

 

- Dissertações políticas ou religiosas sem ter nada a ver com o tema: Apago (sim, já tive, normalment eem posts antigos).

 

- Insultos, a mim ou a um dos comentadores: Apago. 

                 Aqui só uma pessoa pode dizer asneiras, palavrões e insultar quem quer que seja sem razão: Eu. Os outros só dizem palavrões se eu deixar.

 

- Opiniões contrárias à minha: Aceito. Respondo e se a conversa se iniciar, dou conversa, mas não contem que peça desculpa por uma opinião. 

Normalmente o que penso fica claro no post, a opinião da pessoa fica no comentário e pronto, ficamos por aqui, mas há pessoas que não se contentam com isto e "querem conversa", nesse caso... a última palavra tem que ser a minha porque isto é a "minha casa" e o convite a que "saiam" pode eventualmente acontecer.

 

Gosto de receber comentários, mas não escrevo para ter muitos, escrevo o que me apetece, quem não gosta tem sempre outros blogs espetaculares para ler, não precisa de me vir moer a cabeça. Mesmo que para a pessoa eu esteja errada, siga, não vai mudar nada com lições de moral ou de suposta superioridade intelectual. 

 

Não precisam de concordar comigo, aceito de bom grado um "não concordo/penso diferente", o que me deixa logo com as garras de fora é um "estás errada/não sabes o que dizes"... Isto é o meu blog pessoal, não tenho qualquer linha editorial nem me pagam para ser agradável.

Sou eu em palavras e (poucas) imagens, só isso.

 

Quanto aos meus comentários noutros blogs... tenho pena de não conseguir fazer tantos como gostava.

15 comentários

Comentar post

Eu...

foto do autor

AlGo destacado

  •  
  • Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.