Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog de AlGo

Por Mena Gomes

Blog de AlGo

Por Mena Gomes

08
Mai24

Tenho vergonha do colonialismo

É isto que tenho. Zero orgulho.

Se eu acho que deverá haver agora condenações, não acho. Foi o que foi, num tempo que já lá vai, e não se pode ver à luz dos dias de hoje os comportamentos de outras épocas, mas daí a ficar envaidecida pelo passado... Não, não fico.

Este é um dos (poucos) temas em que concordo com Marcelo Rebelo de Sousa: Deve haver reparações históricas.

Não se trata de indemnizações mas, por exemplo, devolver aquilo que de lá "trouxemos" sem razão, as coisas das quais "nos" apropriamos, isso pode e deve ser feito. Com orgulho.

O orgulho de fazer o que está certo. 

Não é possível voltar no tempo e desfazer todo o mal que foi feito, mas é possível baixar a cabeça, lamentar o que os nossos antepassados fizeram e repor o possível.

08
Mar24

O verdadeiro dia da mulher será domingo

Sim, é no próximo domingo, dia 10, que todas nós podemos ir celebrar com pompa o Dia da Mulher. Lembrando que há uns anos não podíamos votar e tendo a consciência que, na vontade de muitos, ainda não o faríamos.

Não se iludam, há muitas almas que ainda nos acham seres inferiores e não é com jantares de gajas que vamos lutar contra eles, é recusando votar em partidos que têm nas suas listas homens que acham normal que uma mulher apanhe porque traiu o marido. Partidos que têm nas suas listas homens que querem retirar às mulheres o direito ao aborto ou, no mínimo, dificultar o acesso ao mesmo.

Não podemos permitir que se volte atrás no tempo, por isso, divirtam-se hoje como quiserem, mas domingo votem. VOTEM em consciência, Votem informadas. VOTEM.

06
Mar24

Ainda não sei ao certo em quem vou votar...

... mas sei bem em quem não vou, como sempre.

Não vou votar em nenhum daqueles partidos pequenos, que servem para perder tempo de antena e, alguns, mostrar o quão ridícula pode ser a vontade de ter um tacho. Já temos circo que chegue.

Não vou votar no Chega, porque não sou maluca. 

Não vou votar na AD porque não quero machistas, xenófobos e negacionistas climáticos a mandar nisto. Sim, há lá disso e há muitos. E não me venham com "o PSD não é assim". Até pode não ser, mas juntou-se a eles e de alguma forma vai ter que lhes agradar. Também ainda não estou convencida que, em precisando, o "não" aos fascistas não se transforme em "porque não?", porque no fundo, há muitas parecenças em muitas daquelas cabeças.

Não vou votar na Iniciativa Liberal porque mais do que igualdade precisamos de equidade, e os liberais não acham isso.

Não vou votar na CDU porque ainda não perceberam que há comunistas maus e que, por isso, têm que ser abertamente criticados.

E agora começa o difícil.

PS? Não queria, porque não estou feliz com tudo, no entanto, sei que se não fosse o PS a governar durante a pandemia e esta crise que ainda atravessamos, seria muito pior para a maioria da população. Se podiam ter feito mais e melhor, podiam, claro que sim, mas quase que me sinto no dever de retribuir. Há muita coisa que está péssima, mas para além de não acreditar que com outro Governo estivesse melhor, também sei (porque vejo) que muitas famílias estão melhor e que se aguentaram graças a políticas que foram adotadas.

PAN, BE (já votei em ambos) e o Livre. Qualquer um deles poderia levar o meu voto, mas sinto que estou a desperdiçar, porque é bem possível que não elejam ninguém pelo círculo de Coimbra. 

Quero uma maioria de esquerda no Parlamento e, por conseguinte, um Governo de esquerda, porque acredito que esse é o lado certo e porque gosto muito mais do PS quando precisa dos outros. O tempo da geringonça não me assusta, bem pelo contrário.

Temo que não vou ter sorte, que a direita vai ganhar e depois olhem, espero que quem vote neles não se arrependa.

 

04
Mar24

O CDS quer voltar a referendar o aborto

... porque acham que têm o direito de escolher o que fazer ao corpo de uma mulher.

Estamos em 2024, alguém os avisa?

Ser contra o aborto é legítimo, querer mandar no corpo de outra pessoa é obsoleto.

Ver homens a querer decidir sobre uma coisa que diz respeito somente à mulher chega a ser confrangedor. Só a mulher engravida, tudo se passa dentro do corpo da mulher, por isso homens, lamento, mas não é assunto vosso. Queria ver o que seria referendar um procedimento no sistema reprodutor do homem, era o lindo e o bonito.

Mulheres que são contra o aborto, não abortem. Pronto, assunto resolvido.