Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog de AlGo

De mim, da vida... de tudo.

Recebi uma mensagem

Dizia:

"Adeus mensagem q vais partir, que lindos olhos vais ver, dá beijinhos e abraços a quem te abrir e um bom diaaaa a quem te ler. beijinhos doces"

Foi engano, não era para mim 

Ainda bem 

 

Cenas em que reparo...

... a ver televisão.

Na Madeira são todos primos uns dos outros, certo?

 

Ao ver os noticiários da Madeira reparei que os sobrenomes dos "nativos" se dividem em quatro grupos:

1/4 - Jardim,
1/4 - Canha,
1/4 - Spínola
1/4 - outros nomes.

 

 

Cenas que tenho que ouvir...

... porque deixei de comer carne:

"Então o que comes?"

 

Sim, eu sei que "90%" da alimentação habitual é carne, até porque já estive desse lado (ainda há bem pouco tempo estava), mas acreditem que há um mundo de coisas boas que não são carne para nos alimentar.

 

Um mundo que não passa necessariamente por tofu e seitan, acreditem.

Isto é só para miúdas

E para começar a semana com um tema super interessante: Alguma de vocês usa, usou, ou pretende usar um coletor menstrual em vez de pensos e/ou tampões do costume?

Que têm a dizer sobre o assunto?

No sábado fui a um casamento

Estavam tão lindos os meus amiguinhos!!

 

Confirmei coisas importantes:

- A malta come muito nestes dias, porra!!

- A malta bebe demais (sendo que não assisti a cenas tristes).

- Os pais dos noivos (mais as mães, acho eu) vivem o dia num dilema entre o "que grande alegria, que triste que estou".

- Por mais modernos e desempoeirados que sejam os noivos, as festas acabam por cair todas nos mesmos clichés... são todas muito iguais. E olhem que estes inovaram bastante.

- A única pessoa que tem piada na "Dança do Pinguim" é a noiva.

- As solteiras querem todas apanhar o bouquet, mesmo que finjam que não.*

- Por mais confortáveis que sejam os sapatos, no fim do dia, ninguém os aguenta.

 

Extra: Continuo sem perceber como é que um dia inteiro, com roupas pouco confortáveis, fotógrafos à volta a cada minuto, a obrigação de sorrir sempre, cumprimentar mais de 200 pessoas (mais do que uma vez cada uma), comer nos intervalos dos "beija, beija", dar atenção a mais de 200 pessoas (desculpando-se que não lhes deu a atenção devida)... pode ser o dia mais feliz da vida de alguém... mas OK, se o dizem.

 

* Eu também queria apanhar o bouquet, ele era tão giro.

De mim, da vida... de tudo!

foto do autor

AlGo à Mesa

AlGo destacado

  •  
  • Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Queres falar comigo? Escreve.